sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Eu versos meu dente parte 2

Ontem eu fui no dentista e fiz o primeiro passo do canal, sim...primeiro passo porque são três no total.
Tudo correu bem e a minha dentista atual é um amor. Ela tem a mão leve e isso me fez feliz, já que tenho que voltar lá mais duas vezes.

Eu genialmente levei meu celular e fones de ouvido pra não ter que escutar o barulho irritante que todo mundo conhece e odeia quando vai ao dentista.
Mas, como eu tenho muita sorte meu celular descarregou exatos 15 minutos depois que comecei a ouvir música. Certo. Eu mereci...quem mandou eu não olhar a bateria?

Ali deitada com a boca aberta e aquele barulho infernal no ouvido eu não tinha mais o que fazer, então comecei a refletir...
Vira e mexe a dentista me perguntava se estava tudo bem, se doia e tals...e eu fazia com a mão que estava tudo bem. Mas na verdade não estava. Não estava doendo, mas tinha alguma coisa presa no outro lado da minha boca onde ela não estava mexendo e parecia que ia engolir aquilo e engasgar a qualquer momento. E como eu ia explicar isso com a boca escancarada, ela com duas maquininhas barulhentas na mão e um sugador de saliva que eu mesma segurava?

Acabei enfiando a mão dentro da boca e retirei o pedaço de sei lá o que antes que eu engolisse.
Cheguei a conclusão de que quando eu for no dentista, levarei um bloquinho de anotações e uma caneta. Ah, e claro um celular com bateria cheia.

Ps. Meu dente não doí mais e por enquanto eu estou com uma macinha cobrindo ele. Tenho que tomar cuidado ao mastigar e só. Mas duas consultas e eu estarei livre da batalha contra meu dente. \o/

Nenhum comentário:

Postar um comentário

E você achou que...